Você está em Artigos

Leitura Reflexiva

Autor: Daniel de Sousa
Data: 27/12/2011

RESUMO

Este artigo objetiva estimular os alunos do ensino médio a ler de forma reflexiva todos os gêneros textuais abordados em sala de aula. É sabido a leitura desenvolver o raciocínio lógico, capacidades cognitivas e com isso formar suas próprias opiniões sobre diversos problemas sociais, tais como atividades individuais e em grupos. Identificar como um instrumento para o exercício da cidadania. Rever à alternativa "inovadora" de interação entre o leitor e o texto, para tornar possível com essas condições, uma nova leitura de mundo, um novo acesso ao seu próprio grupo cultural com outra visão. Diferenciar o processo de formação individual e a sua capacitação para o convívio às atuações sociocultural. Em suma esta proposta baseia-se a uma pesquisa de campo realizada através de um questionário. Para que haja a constatação do que será descrito no estudo.

 

CONSIDERAÇÕES INICIAIS

Serão apresentados resultados de uma pesquisa realizada em uma escola estadual, com os alunos do segundo ano do ensino médio referente ao tema proposto. O interesse pelo tema deu-se com a necessidade de conhecer a leitura e prática reflexiva. No segundo semestre do ano de dois mil e dez, no entanto foi detectada a falta de leitura e principalmente a falta da prática reflexiva da leitura feita pelos alunos em sala de aula. Um fator primordial para isso acontecer, ou melhor, não acontecer, é o pouco tempo disponível pelo docente. Para que haja a constatação do que será descrito no trabalho. Como objetivos propõem estimular, identificar e rever alternativa para os estudantes do ensino médio para que eles desenvolvam essa prática, como um instrumento para o exercício da cidadania. Mais também de interação entre o leitor e o texto. No entanto buscando novas alternativas metodológicas, para desenvolver uma boa prática reflexiva de forma ativa, instigador para ter bons resultados e questionar o que lê. Os senhores pais, professores todos juntos devem estimulá-los à prática, para a sua capacitação, convívio, atuações, sociais, políticas, econômicas e culturais para todos.

1. A LEITURA É UM INSTRUMENTO PARA O EXERCÍCIO DA CIDADANIA.

A leitura e prática reflexiva são muito importantes para o desenvolvimeto dos alunos, cujo, estão preparando-se para o vestibular, onde têm que aprender interpretar textos, o qual é a parte fundamental para ter um bom desenpenho. Além de, ter é uma interação entre o leitor e o autor. Com isso o leitor tem que problematizar e questionar o que o autor quer dizer, e o que você entendeu. Desssa forma tendo uma nova visão de mundo, ou seja, uma postura crítica da realidade.  A leitura e prática reflexiva é uma atividade básica na formação cultural de cada um. Além disso, é uma excelente atividade de lazer e também é bom para à saúde mental, pois nos ajuda em nossas atividades. Todos nós precisamos refletir sobre os fatos que acontecem no nosso dia a dia. Essas ações que remetem pensar e dialogar são barreiras profundas que nos providência um olhar e a reflexão do que acontece na realidade. Fica claro que através da prática reflexiva pressupõe uma postura, uma forma adquirir sua própria de identidade e hábitos. Sua realidade não é medida por discursos ou por intenções, mas pelo lugar, pela natureza e pelas consequências da reflexão no exercício cotidiano. Perrenoud (2002) destaca que "A orientação poderia propor uma forma original de aliar objetivos ambiciosos e de considerar a realidade. Com o intuito de desenvolver principalmente o saber-analisar". O aprendiz passa a têm bom desenvolvimento adequado ao mesmo tempo começa ser um observador e adquire uma nova postura de apresentação no convívio social, diante de tudo, com uma concepção pessoal, competente e evoluindo de acordo com o seu conhecimento.

Se o objetivo principal do trabalho de analise e reflexão sobre a língua é imprimir maior qualidade ao uso da linguagem, E, a partir daí, introduzir progressivamente os elementos para uma analise de natureza metalinguística. O lugar natural, na sala de aula, para esse tipo de prática parecem ser a reflexão compartilhada sobre textos reais. (PCNs, 2000, p. 39).

De acordo com os PCNs a importância e os valores da linguagem ocorrem com as evoluções nas demandas sociais. Bem como a constituição de práticas que possibilitem ao aluno aprender linguagem a partir da diversidade de textos que circulam socialmente. Desta forma toda educação é comprometida com o exercício da cidadania criando condições de desenvolvimento da capacidade de uso eficaz da linguagem. Assim estar relacionadas ações efetivas do cotidiano, a transmissão e busca de informação, ao exercício da reflexão. As exigências práticas da vida diária, são os textos que favorecem a reflexão crítica e imaginarias, é uma forma de exercício de pensamentos mais elaborada e abstrata, para sua participação numa sociedade letrada. Constitui-se uma atividade onde o aluno alçar em aspectos relevantes metalingüísticas da língua, dentre eles sistematização, classificações de suas características especificam. As condições metodológicas devem, sobretudo nos primeiros ciclos, estabelecido nas atividades epilinguística, entretanto, todavia na prática de reflexão sobre a Língua em circunstâncias de produzir e interpretação, como caminho para consciência e aprimorar o controle sobre própria produção linguística. (2000, p.39).

  Próxima
Como referenciar: "Leitura Reflexiva" em Só Pedagogia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2019. Consultado em 13/12/2019 às 00:50. Disponível na Internet em http://www.pedagogia.com.br/artigos/leiturareflexiva/