Você está em Artigos

A Importância do Lúdico nas Séries Iniciais (página 2)


UMA BREVE EXPLANAÇÃO DO TERMO JOGO

Quando tocamos no assunto lúdico, logo temos a ligação direta deste termo com a palavra jogo, isso pois ao se observar o uso do lúdico teremos dentro da sua metodologia o brincar por meio de jogos que desenvolvam a atividade proposta, de maneira a se ensinar de uma maneira descontraída.
Mas de acordo com Kishimoto (2006) a palavra jogo pode ser uma tarefa difícil de ser conceituada em virtude de sua amplitude de especificidades, uma vez que a denominação jogo pode ter conceitos em acordo com a concepção de cada contexto social.

Isto posto a definição de jogo irá depender diretamente da sua compreensão dentre de grupo social que o compreende, o qual irá lhe definir em conformidade com o entendimento coloquial. Para Maluf (2009, p.82 e 83):
"O jogo carrega em si um significado muito abrangente. Ele tem uma carga psicológica, porque é revelador da personalidade do jogador (a pessoa vai se conhecendo enquanto joga). Ele tem também uma carga antropológica, porque faz parte da criação cultural de um povo (resgate e identificação com a cultura)."
Seguindo esta perspectiva o jogo se demonstra um formador de personalidade, mesmo que esta já possuía seus contornos bem definidos, a prática do jogo que o poderio de revelar com clareza a personalidade da pessoa.

Sob a luz de Piaget (1971) apud Friedmann (2006), o mesmo fez um estudo sobre o jogo ao longo do período infantil, relacionando com o funcionamento intelectual. O teórico classifica o jogo em três estruturas: o exercício, o símbolo e a regra, sendo assim as brincadeiras vão evoluindo conforme a faixa etária.

Deste modo para as séries iniciais, o que se vê são crianças em busca desta afirmação, sendo moldadas em acordo com o meio social que as rodeia, e onde quando expostas a atividades que envolvam jogos estarão se inter-relacionando com o meio social, em vias que aprenderam as regras sociais e toda a cultura que as acompanham de maneira simples e sem carga responsiva.

Sem perceber a criança iniciará o desenvolvimento do aprendizado de conceitos e definições que lhe acompanharam por toda a vida. "Na criança, a atividade lúdica supera amplamente os esquemas reflexos e prolonga quase todas as ações." (FRIEDMANN, 2006, p. 23).

Desta feita é notado que para cada jogo, a cada atividade, é montada uma disposição diferente, que forma uma ordem e nos leva a reconhecer a qual modalidade pertence. Sendo assim o resultado de um sistema linguístico, fruto dos valores e modo de vida representados pela linguagem de um povo.

Observemos a assertiva dada por Friedmann (2006, p. 25):
"No jogo simbólico a criança se interessa pelas realidades simbolizadas, e o símbolo serve somente para evocá-las. As funções dos jogos simbólicos (compensação, realização de desejos, liquidação de conflitos) somam-se ao prazer de se sujeitar à realidade."
Podemos levar em consideração a definição de que o jogo é uma brincadeira que contém regras pré estabelecidas, as quais o jogador deverá perfazer, com o intuito de proceder a execução do mesmo.

Observa-se que quando as crianças brincam por meio de um jogo, elas imitam o mundo real, e com isto se aproximam sobremaneira de uma realidade social, isso pois durante o processo de desenvolvimento da brincadeira elas tendem a reproduzir a vivencia do cotidiano.

Em acordo Piaget (1971) apud Friedmann (2006, p. 30):
"... combinações sensório-motoras (corridas, jogo de bolinhas de gude, de bolas) ou intelectuais (cartas, xadrez) com competição e cooperação entre indivíduos, regulamentados por um código transmitido de geração a geração ou por acordos momentâneos."
Evidencia-se que o uso de regulamentos durante a prática de jogos e brincadeiras, são exercidos pelas crianças, isto posto, passa-se a vigorar uma regra como elemento compositor do brincar.

Nesse sentido, é importante salientar que as crianças passam a desenvolver a cooperação entre si, o que as leva a se desfazer do egocentrismo, e com isso fortalecer a vivencia em sociedade, elevando com isto a socialização do indivíduo.

É relevante impor que os jogos são atividades das quais o educador não deve se esquecer ou ignorar, uma vez que são meios de formatar e exercitar o fortalecimento do intelecto da criança.
Anterior   Próxima

Voltar para a primeira página deste artigo

Como referenciar: "A Importância do Lúdico nas Séries Iniciais" em Só Pedagogia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2020. Consultado em 24/09/2020 às 02:36. Disponível na Internet em http://www.pedagogia.com.br/artigos/ludico_importancia/?pagina=1

Divirta-se com o LOBIS HOMEM

O SONHO DE SER CANTOR

SOFRENDO COM A LÍNGUA PORTUGUESA